Morando sozinho: Morar com parentes

Publicado: julho 22, 2010 por O Mosqueteiro em Morando Sozinho
Tags:, , ,

Morando sozinho

Mesmo com um pouco de demora, afinal este mosqueteiro lutava com trabalho e faculdade, venho tentar me redimir com mais uma matéria. Na verdade, dou continuidade à série de posts sobre o que é o de morar sozinho.

Realmente o desafio de sair de casa sempre nos assusta, mas por muitas vezes se torna obrigatório, seja por uma nova vida acadêmica, seja por uma nova vida profissional, a mudança exige muito de nós pessoal e moralmente.

Já contei um pouco sobre morar em republica, suas vantagens e desvantagens, mas algo muito comum que vemos nas grandes cidades também é o de morar com parentes, mesmo que não muito próximos, eles acabam sendo uma escolha muito comum, seja aquela avó, tio, tia e primo que moram numa grande cidade ou mesmo moram na cidade onde temos que nos mudar.

Esta opção é muito mais comum do que pensamos, e ela visa especialmente a redução dos custos, lógico, um parente nosso não nos cobra aluguel, ele já possui a casa montada, e ocasionalmente nos pedirá alguma ajuda numa despesa ou outra.

Cuidado na hora de escolher com que parentes você vai morar!

Assim aqueles que desejam economizar bastante no começo da vida acadêmica ou da nova vida profissional, não descartem esta possibilidade, ela pode por muitas vezes ser aquele impulso inicial que necessitamos para nos estabilizarmos.

Além de que muitos parentes mais próximos, especialmente as avós e avôs nos trataram tão bem quanto somos tratados em nossas próprias casas. Entretanto, mesmo com um monte de vantagens, existem os possíveis problemas. Naturalmente que eles virão, mesmo sendo parentes mais próximos ou mais distantes, certamente uma hora vai ocorrer algo mais complicado.

Os problemas mais comuns:

  • Ter pouca, ou mesmo nenhuma liberdade na casa – Ou seja, não poderá fazer muita bagunça, trazer sempre seus amigos e a qualquer hora, e especialmente, dificilmente poderá fazer sexo na casa dos parentes, seja por uma questão de respeito, ou mesmo porque não terá nunca ou raramente a casa apenas para você;
  • Você se acomoda – Não junta o dinheiro que deveria poupar para comprar suas coisas e aos poucos poder montar a sua própria morada;
  • Costumes – Muitas vezes os hábitos que você possui, afronta os hábitos dos seus parentes, e isso acaba por criar brigas, ou desentendimentos;
  • Computador,  Internet, TV – Se o lugar tiver apenas uma televisão, ou apenas um computador com internet, certamente isso também uma hora gerará algum tipo de estresse entre você e seu parente;
  • Horários – Muitas vezes vi cobranças também dos parentes sobre horário, e imagine, um acadêmica de 19 – 22 anos tendo que voltar para casa antes das 3 no final de semana, porque senão vai ter briga em casa.
  • Festas – Não poder abusar da farra, sim, você sempre terá que pesar que será um constrangimento chegar bêbado e passando mal na casa do seu parente. Certamente será assunto por uns 5 natais de como você chegou qualhado numa determinada noite e tiveram que lhe dar banho e remédio. Serio mesmo, nada vale esta vergonha.
  • Gastos extras – Sim mesmo no começo você economizando, você acabará gastando com: comida fora de casa; com o motel quando começar a namorar; com viagens; com internet em lan houses; com despesas de impressora, pois certamente uma hora vão lhe cobrar as despesas com tinta e papel de impressora; entre outros gastos que aos poucos você terá que pagar.

Por tais motivos, recomendo morar com parentes, mas, por favor, siga aquele velho ditado Árabe, de que peixe e visita em alguns dias estragam. Sendo assim, more com seus parentes por um breve período, o suficiente para você poder ter uma pequena estabilidade ao comprar as coisas da faculdade, esperar o primeiro salário, ver se é isso mesmo que você deseja ao sair de sua casa, e logo procure um lugar seu para morar.

Mesmo que você acabe indo morar em republica, sozinho ou em pensionato, garanto que será futuramente uma dor de cabeça a menos do que poder estragar ou abalar uma relação com algum parente que antes era tão querido.

Se posso dar um prazo para este período, poderia dizer que salvo algum parente muito próximo mesmo, o ideal seria com 6 meses você já começar a se mexer para mudar, e nesse tempo certamente, se você for uma pessoa mais programada, vai conseguir juntar uma grana maior, e poderá dar mais este passo da vida adulta.

Espero que tenham tido uma boa leitura, em breve, falaremo mais sobre as aventuras de morar morar sozinho!

Salut!

comentários
  1. Alguém ! disse:

    Eu sei bem como é isso!
    Meus parentes só mostraram as unhas depois que eu saí, mas agora estou gostando de morar com os meus outros tios e assim eu posso conseguir meu emprego e conquistar minha independência.

  2. Pomarola disse:

    morei 1 ano numa puta casa, internet, tv cabo, 2 andares, morava praticamente sozinho, porque a dona, minha tia, irmã do meu pai, tinha 2 imoveis e ficava pouco na casa, mas o pouco que ela ficava, juro por deus, eu sou pessoa facil, nao tenho boca pra nada, nao reclamo, ajudo, puxo peso, carrego sofá, calibro os pneus do carro, faço tudo, mas to saindo fora da casa, nao da nao, morar com parente, va se fode, esqueça, esqueça meu amigo, ainda mais tia velha, cheia de grana, nao aluguei imovel ainda, mas quero gastar bem pouco, virei funcionario publico, eu moro em qq buraco, qq pensao maldita, banheiro coletivo, mas com parente eu nao moro nunca mais na vida.

  3. Daniela Souza disse:

    Eu cai nesta de morar com parente para economizar custo e advinha?! ela me cobra sim, um aluguel e uma parte das despesas, fora que eles me cobram um valor da comida sendo que eu não como na casa. Não vejo a hora de arrumar meu canto.

  4. Ju disse:

    Estou morando meus meus tios a 6 meses desde o falecimento da minha mãe e nossa senhora como é dificil, como eles invadem a privacidade da gente, como eles tem prazer em te fazer sentir pouca coisa ou ficar mandando indiretas pra sair de casa, não vejo a hora de conseguir juntar meu dinheiro e pegar meu rumo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s