Morretes(PR) via Estrada da Graciosa

Publicado: julho 7, 2010 por Bruno Freitas em Por ai
Tags:, , , , , , ,

Por ai

As férias chegaram, é hora de preparar as malas, cair na estrada e conhecer novos lugares! E por isso o HSF vem sugerir a visita a Morretes, uma pequena cidade no Paraná. Localizada próxima a região litorânea do estado, a cerca de 70km de Curitiba. Famosa por seus restaurantes, que servem uma comida típica chamada Barreado. Com apenas 25.000 habitantes, Morretes é uma daquelas cidades onde você encontra velhinhos  na praça, crianças brincando no coreto e que você faz toda a visita a pé. Cortada pelo rio Nhundiaquara (respira fundo e fala de uma vez, senão o nome não sai), a cidade é muito bem cuidada, com árvores por todos os lados.

Como chegar?

O trajeto que fiz até Morretes, foi via Estrada da Graciosa. Só isso já contaria como passeio. Esta estrada, ou Rodovia PR-410, foi criada a partir de uma antiga rota dos tropeiros em direção ao litoral paranaense, interligando Curitiba às cidades de Antonina e Morretes.

A estrada atravessa a serra, e passa por um dos trechos mais bem preservados de Mata Atlântica do Brasil, com vários riachos. Na região, existem dois parques estaduais: o Parque Estadual da Graciosa e o Parque Estadual Roberto Ribas Lange.

Ao longo da rodovia, são mantidos pontos de parada, chamados Recantos, onde existem estruturas de lazer (churrasqueiras, sanitários, mirantes, lojinhas de artesanato e pequenas lanchonetes) que proporcionam um pouco mais de conforto ao visitante. Nesses Recantos e também nas feirinhas de Morretes, você encontra a Banana Chips, uma espécie de salgadinho feito com Banana, muito gostoso. Há também a versão doce do chips de banana também os de Mandioca e Mandioquinha (ou como os paranaenses dizem, Batata-Salsa).

Atenção: Boa parte da estrada(principalmente os trechos de serra) é de paralelepípedos e por isso não recomendamos a visita em dias de chuva, pois a pista fica rapidamente escorregadia.

O Barreado

O prato consiste em uma carne cozida, servida com arroz e farinha de mandioca. O segredo na preparação é o tempo de cozimento na panela de barro – cerca de vinte horas – o suficiente para desfiar toda a carne. Depois de cozida, as fibras da carne se soltam resultando em um caldo grosso e saboroso. Para manter o sabor da carne, é preciso vedar a panela com uma massa de farinha e água, um barro preparado para manter o vapor dentro da panela.

O Barreado que experimentei também acompanha arroz, pirão, camarões fritos, croquetes de camarão (se você é fraco com pimenta, cuidado com esses), salada, molho de camarão com palmito, banana, tangerinas(ou laranjas) e farofa. Um verdadeiro mundo de comida por apenas R$ 30,00.

Visite Morretes

Morretes é uma daquelas cidades que todo brasileiro que vive nos grandes centros urbanos deveria conhecer. Ao sair do carro, você já percebe que por ali o tempo anda mais devagar. O rio, a praça, as barraquinhas, tudo isso ajuda a tirar o pé do acelerador e a relaxar do stress do dia-a-dia. Visite Morretes!

comentários
  1. Muito linda esta estrada de Graciosa!!!! Estava lembrando esses dias uma viagem que fiz pra Floripa e voltamos por esta estrada. Em certos pontos, como o da foto, a gente consegue ver a traseira do carro fazendo a curva!!! Kkkkkkk….
    Parabéns pelas fotos, pelos posts e obrigada!!!! Fique com Deus! =)

  2. mateus disse:

    O mais legal é o rio nhunduaquara.Muito legal o rio.

  3. e a cidade q eu gostaria, de passar uns final de semana!! mt maravilhoso!! lindissima!!

  4. JEFFERSON disse:

    Eu conheco MORRETES e indicaria pra quem quiser sair do agito de uma cidade grande e pra quem quiser descansar. Desestressar. É um lugar fenomenal. Tem muito verde (MATO BEM FECHADO), muito ar puro. Muita água pura. E pra que é chegado numa deliciosa cachaça. Em MORRETES tem cachaça de banana. E direto do alambique. É muito bom MORRETES.

  5. Normanci Coelho disse:

    Conheci a cidade e fiquei encantada com as belezas naturais, o casario antigo e estilo de vida pacato, adequado para quem precisa de tranquilidade. Infelizmente estas caracteristicas positivas da pequena cidade é pouco explorada em termos de gastronomia que poderiam prender ainda mais os visitantes. À noite, a cidade dorme literalmente. Estávamos em um grupo de seis pessoas e procuramos um local para jantar,mas infelizmente A MAIORIA dos restaurantes, fecham. Um dos poucos que estava atendendo, tinha um cardápio terrível. Barreado á noite? Há que se lembrar que não apenas paranaenses frequentam a cidade.
    Enfim, ficou essa péssima impressão da gastronomia local. A Prefeitura precisa investir em atividades culturais para mobilizar inclusive oos jovens que podem desviar a atenção para drogas.
    A cidade, apesar das caracteristicas de cidade tranquila e propria para descanso, precisa de VIDA!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s